Os 8 Tipos de Orgasmos Femininos

Há 8 maneiras de levar a mulher à loucura na cama, basta descobrir qual é o favorito dela e investir no seu taco!

Artigo publicado por Fernanda Guimarães nas categorias: Dicas, Sexo

Quando o assunto é sexo, o corpo feminino funciona de maneira completamente diferente do masculino, que facilmente chega ao orgasmo, que é imediatamente identificado, afinal, eles ejaculam. Por outro lado, algumas mulheres ainda têm muita dificuldade de alcançarem o ápice sexual, seja por motivos psicológicos ou fisiológicos, ou em alguns casos, não o sabem identificar. No entanto, se você conhecer bem o seu corpo, saberá que existem no mínimo 8 tipos de orgasmos femininos, sendo que nem todos são atingidos através da vagina. Se você está curiosa, saiba quais são eles e seja mais feliz na cama:

os-8-tipos-de-orgasmos-femininos

Orgasmo Clitoriano

Esse é o orgasmo atingido com mais facilidade para a maioria das mulheres, pois essa região é super sensível. Para tanto, seu parceiro deverá saber manuseá-lo, o que não será difícil para ele, se já consultou algum site sobre prazeres sexuais. Ele poderá fazer movimentos circulares ou de cima para baixo com os dedos ou, para lhe dar ainda mais prazer, com a língua, que tem a vantagem de deixar o órgão mais molhadinho.

Orgasmo Vaginal

Apesar de ser o mais praticado, o orgasmo vaginal é o mais complicado de ser atingido, pois demanda grande concentração dos parceiros. A melhor posição é a da mulher por cima do homem porque assim, ela pode controlar os movimentos que lhe dão mais prazer. Assim, faça movimentos de baixo para cima, circulares ou apenas com a penetração da ponta peniana. Por outro lado, se o parceiro tiver um pênis grosso, será possível levar a mulher ao orgasmo vaginal com mais facilidade ao alcançar o colo do útero, mesmo na posição papai e mamãe.

os-8-tipos-de-orgasmos-femininos1

O Famoso Ponto G

Até pouco tempo atrás, especulava-se que o ponto G era mera ilusão dos fanáticos por sexo, mas atualmente, a ciência o descobriu: ele se localiza logo acima do osso púbico e possui o tamanho de uma moeda. Para alcançá-lo, seu parceiro ou você mesma pode usar o dedo para estimulá-lo. Mas se preferir atingi-lo através da penetração, a melhor forma é fazer com que o pênis fique a 90º da vagina.

Orgasmo Pela Uretra

A uretra está localizada entre a vagina e o clitóris e oferece enorme sensação de prazer quanto estimulada, pois é muito sensível ao toque. Para tanto, peça para que o seu amor a massageie ou a acaricie, seja com os dedos ou com a língua em movimentos de sobe e desce ou circulares para te fazer ver estrelas.

Orgasmo No Períneo

Por ser rica em vasos sanguíneos, a região do períneo, localizada entre a vagina e o ânus, o seu estímulo leva tanto homens quanto mulheres ao delírio. Portanto, é uma área que pode ser tocada e acariciada principalmente durante as preliminares para aumentar o calor da ansiedade, pois acelera as contrações vaginais.

Orgasmo Nos Seios

Os beijos, carícias e mordidinhas nos seios parecem ser apenas algumas preliminares para que as mulheres alcancem o orgasmo, porém, também podem ser responsáveis por levá-las diretamente ao prazer máximo. Isso acontece quando a mulher se entrega completa e relaxadamente ao seu parceiro, excitando-se com o que ele faz com os seus seios.

Orgasmo Anal

Embora ainda seja um grande tabu entre as mulheres, o orgasmo anal pode ser um dos mais fortes, já que a região é dominada por terminações nervosas. Sendo assim, se você tem receio, seja por religião, preconceito ou dores, nada te impedirá de experimentar pelo menos uma vez a sensação que esse tipo de sexo pode oferecer. Entretanto, não se esqueça de lubrificar bem a área antes da penetração e nunca o faça sem camisinha, que deve ir diretamente para o lixo depois para não contaminar a vagina.

Orgasmo Misto

Esse é o tipo de orgasmo que faz o corpo todo estremecer, tamanho o prazer que poderá ser sentido pela mulher. Quando o orgasmo clitoriano se mistura ao vaginal, não há quem te segure. A posição que facilita esse prazer é a sentada sobre o seu parceiro, que ativa as 2 áreas. Se precisar de outros estímulos, peça para que o seu parceiro use os dedos ou a língua.

Fernanda Guimarães

Autora

Fernanda Guimarães é apaixonada pela área de relacionamento, sexualidade & amor. Tem ajudado milhares de mulheres a encontrarem o homem ideal através de suas dicas de atração, sedução e conquista!



Comente!




*Campos obrigatórios