Existe Amor à Primeira Vista?

Aprenda a distinguir amor de paixão para encontrar essa resposta.

Artigo publicado por Fernanda Guimarães nas categorias: Atração, Sedução

Quem nunca sonhou em viver um lindo romance no qual conhece um gato lindo pelo qual se apaixona à primeira vista e, juntos, são felizes para sempre? Essas histórias podem acontecer frequentemente em novelas, filmes e livros, mas e na vida real, será possível? Será amor ou paixão à primeira vista? Há casais que se conheceram assim e estão juntos há vários anos? A grande pergunta é: Existe amor à primeira vista?

amor a primeira vista

Amor e Paixão

Se à primeira vista você sentiu o seu coração acelerar, as suas mãos suarem, as suas pupilas se dilatarem e o ar faltar nos seus pulmões, foi paixão. Esse sentimento acontece quando ocorrem reações químicas advindas do cérebro para as outras partes do corpo, seja por causa da visão, do cheiro ou do toque sentidos. Ele faz com que a pessoa fique em nossos pensamentos em cada segundo do dia e queremos estar junto dela o mais rápido e pelo máximo de tempo possível. Só de pensar nela, o coração dispara e um choque passa por todo o corpo. Os defeitos não existem, assim como obstáculos. É mais sexual que emocional.

No entanto, a paixão pode acabar de uma hora para outra quando caímos na realidade e descobrimos problemas na relação. É o fim da idealização. Ou ela pode se transformar em amor, sentimento nobre e duradouro de carinho, compaixão e cuidado. Portanto, dificilmente um casal tem amor à primeira vista, mas sim, paixão à primeira vista.

O que diz a Ciência

De acordo com os cientistas, também só existe “paixão à primeira vista”, pois ela é resultado das reações químicas que ocorrem no nosso organismo quando encontramos uma pessoa que satisfaça os nossos hormônios com relação ao cheiro, voz e imagem, o que gera uma atração puramente sexual. Com isso, são produzidos mais hormônios como a testosterona nos homens e o estrogênio nas mulheres, que os deixam “cegos” de paixão e não conseguem enxergar obstáculos ou problemas e se sentem dependentes um do outro.

Com o passar do tempo, as taxas hormonais voltam à normalidade e o sentimento que resta é a decepção ou o amor. O segundo caso gera relacionamentos duradouros, estáveis e confiáveis por ser mais racional.

A Paixão Passa Rápido?

A paixão acaba quando passamos a enxergar pequenos detalhes que não nos agrada no outro, quando não sentimos tanta necessidade de estar junto ao parceiro ou quando não temos mais tanta vontade de fazer sexo com ele. Conforme algumas pesquisas, o ser humano está programado para perdermos a paixão entre 18 e 30 meses de relacionamento.

Como Transformar Paixão em Amor?

O ideal de todo casal é fazer com que a paixão se transforme em amor um dia. Contudo, nem todos conseguem, pois sair da idealização é difícil demais. Como tirar aquele gato perfeito do pedestal e admitir que ele tem chulé, que não gosta de ler, que deixa a toalha em cima da cama ou que odeia a sua banda favorita? Se você quer que o seu relacionamento continue funcionando, terá que ser tolerante e aceitar os defeitos do seu gato, principalmente porque você também tem os seus, e não devem ser poucos, não é mesmo?

O amor nasce da amizade, da convivência, da cumplicidade, da lealdade, da fidelidade, do companheirismo e da honestidade. Além disso, é preciso saber ceder. Nenhum casal sobrevive se não souber respeitar o espaço, a privacidade e os gostos um do outro. Saiba avaliar quando você deverá ceder e quando é a vez do seu gato. Assim, conseguirão construir um lindo romance que, quem sabe, durará por toda a sua vida.

Fernanda Guimarães

Autora

Fernanda Guimarães é apaixonada pela área de relacionamento, sexualidade & amor. Tem ajudado milhares de mulheres a encontrarem o homem ideal através de suas dicas de atração, sedução e conquista!



Comente!




*Campos obrigatórios