Como Cuidar do Cabelo na Adolescência

Cuidados para cabelos de adolescentes.

Artigo publicado por Fernanda Guimarães nas categorias: Beleza, Cabelos

As mudanças relacionadas ao desenvolvimento na adolescência atingem todo o corpo, os cabelos são muito atingidos nessa fase, podendo se tornar mais secos, mais oleosos e alguns casos até mesmo sua estrutura é modificada, ficando mais liso ou mais encaracolado. Assim como é necessário criar uma rotina de cuidados de pele, o mesmo acontece com a rotina capilar.

Além da necessidade de cuidar da limpeza e manutenção do cabelo, a adolescência é um período de crises de personalidade, o que pode fazer um adolescente odiar ou amar o próprio cabelo, dependendo não só da sua forma e dos seus gostos pessoais, mas na maioria das vezes, também depende da aceitação social e do quanto um tipo de cabelo “é moda”, esse terreno pode ser perigoso para a escolha de mudanças radicais que envolvam processos químicos nos fios, por isso devem ser acompanhados de um adulto na decisão.

adolescente penteando o cabelo

Produtos e Cuidados para Cabelos de Adolescentes

Diferente da pele, o problema em cuidar dos cabelos na adolescência não está tanto nos produtos, pois já pode-se usar composições de produtos “adultos”, salvo se houver alguma alergia, para isso é melhor procurar um dermatologista e pedir o receituário de shampoos, condicionadores e outros produtos específicos, sem o componente que cause alergia.

A principal mudança que pode ocorrer na adolescência é o cabelo se tornar mais seco ou mais oleoso, essas mudanças são principalmente hormonais, mas a forma de cuidar dos cabelos pode influenciar: lava-los em água muito quente, por exemplo, tende a momentaneamente estimular a produção de sebo, mas posteriormente deixa os cabelos mais secos, o uso de muitos finalizadores, como os cremes de pentear, que são a “chave” para muitas meninas de cabelos mais crespos, principalmente, pode criar um selo no couro cabeludo que o impede de respirar corretamente, aumentando a oleosidade na raiz e a incidência de caspas.

Aceitando o Cabelo

corte de cabelo

Uma das dificuldades das adolescentes é, em geral, aceitar o cabelo como ele é. Seja na forma ou na cor, sempre há alguma intenção de mudar. Mudanças nas cores do cabelo são menos agressivas e podem ser feitas com tintas específicas para não maltratar tanto quanto uma tinta permanente, como os tonalizantes ou tintas fantasia mais fracas, no caso dos cabelos coloridos com cores “surreais”.

Mas as mudanças de formato em geral mexem na estrutura dos fios, que pode já estar um pouco bagunçada nessa fase do desenvolvimento. A melhor opção é sempre tentar entender quais são as necessidades do cabelo e depois pensar em mudança. A ideia atinge principalmente meninas de cabelo cacheados, pois cria-se o estereótipo de que cabelos crespos são mais trabalhosos, além do que se fala na beleza. A verdade é que dependendo de como se levam os cuidados, qualquer cabelo pode ser trabalhosos ou fácil, passar os dias dependente das chapas alisadoras e da umidade do tempo também não é simples.

Quanto a beleza, é sobretudo na adolescência que os pais devem lembrar os filhos de cada um e bonito da sua forma, que beleza é uma questão subjetiva.

Fernanda Guimarães

Autora

Fernanda Guimarães é apaixonada pela área de relacionamento, sexualidade & amor. Tem ajudado milhares de mulheres a encontrarem o homem ideal através de suas dicas de atração, sedução e conquista!



Comente!




*Campos obrigatórios